Publicidade

Cônsul da Embaixada da Malásia em São Paulo participa de reunião no Ciesp Sorocaba

Cônsul da Embaixada da Malásia em São Paulo participa de reunião no Ciesp Sorocaba

Publicidade

Visando aumentar a presença no mercado brasileiro, o cônsul e adido comercial da Embaixada da Malásia em São Paulo, Haikal Hanib e seu assessor econômico e comercial, Kossi Telou, estiveram participando, na manhã da última quarta-feira (14/06), na sede da Regional Sorocaba do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), de uma reunião com um grupo de empresários sorocabanos.

 

O cônsul foi recebido pelo diretor titular do Ciesp Sorocaba, Erly Domingues de Syllos, que destacou a importância da parceria. “Essa reunião com o cônsul, juntamente com um grupo de industriais e conselheiros do Ciesp, teve como objetivo iniciarmos as tratativas de intercâmbio entre o Brasil e a Malásia, mas focando principalmente nas indústrias de Sorocaba e região. A Malásia é um país que fica no sudeste asiático e tem alta tecnologia. Por exemplo, eles são fabricantes de semicondutores que hoje importamos da China. É um país ainda desconhecido pelos empresários brasileiros, mas por tudo que foi apresentado nessa reunião, com certeza, podemos dar um início a parceria bastante produtiva”, explicou Syllos.

 

Segundo Haikal Hanib, o governo da Malásia vê o Brasil como um parceiro comercial em potencial. “Acreditamos que essa aproximação pode oferecer muitas oportunidades para ambos os países. Essa é minha segunda visita à Sorocaba e vejo que temos uma enorme oportunidade de futuramente fazermos um encontro virtual de negócios entre as empresas da Malásia e da região de Sorocaba. O Ciesp será nosso parceiro institucional para esse projeto e faremos isso também por meio de uma instituição que represente as indústrias malaias”, destacou.

 

Sobre a possibilidade de fazer um encontro virtual de negócios, Syllos observou que será necessário fazer um levantamento dos principais produtos que as empresas da região podem exportar para a Malásia e vice-versa. “A economia malaia sofreu um rápido processo de industrialização a partir dos anos 1990. Com o avanço das indústrias e da tecnologia, o país ganhou posição entre os chamados Tigres Asiáticos. Neste contexto, as indústrias como a automotiva e petroquímica ganharam destaque no país e podem ter forte sinergia com nosso mercado regional”, explicou o diretor.

 

Para Fernando Cesar, CEO da empresa Uniq, que oferece soluções digitais para transporte urbano, uma das possibilidades de negócios é o desenvolvimento de projetos de mobilidade. “Tive a oportunidade de conhecer o cônsul Haikal no Fórum Sorocaba 2050, realizado em abril, no Parque Tecnológico de Sorocaba. Na ocasião, o cônsul ficou muito interessado em desenvolver parcerias de tecnologia, principalmente num acordo de cooperação tecnológica entre os dois países”, ressaltou.

 

Syllos comentou ainda que a partir dessa reunião no Ciesp Sorocaba foi possível definir algumas agendas de trabalho. “Na sequência de trabalhos será possível o desenvolvimento de novos produtos que possibilitem a otimização da exportação para a região asiática. Além disso, as empresas da região de Sorocaba poderão acessar o mercado asiático por meio de joint-ventures com empresas malaias e poderão ser também um ponto de apoio para que os produtos da Malásia sejam distribuídos na América do Sul. Resumindo, o governo malaio está muito interessado no que acontece aqui e nós certamente estamos muito interessados no que eles têm a oferecer”, concluiu.

 

Sobre o Ciesp

 

O Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) é uma entidade civil sem fins lucrativos que reúne indústrias e empresas parceiras contribuintes que atendem o segmento industrial. Com cerca de 8 mil empresas associadas e uma sede central na Avenida Paulista, na capital do Estado, a entidade possui 42 Diretorias Regionais, formando uma sólida estrutura a serviço dos interesses do setor.

A Regional Sorocaba, que em 2020 completou 70 anos, foi fundada por um grupo de industriais com o objetivo de trabalhar pelo fortalecimento da indústria regional. Tornou-se um agente de articulação política, contribuindo para a atração de novos investimentos para a região, além de prestar serviços, fomentar a geração de negócios e desenvolver estudos e pesquisas.

 

A entidade oferece assessoria nas áreas jurídico-consultiva e técnica, econômica, de comércio exterior, infraestrutura, tecnologia industrial, responsabilidade social, desenvolvimento sustentável (meio ambiente), rodadas e eventos de negócios, além de diversos convênios, realizando também a emissão de Certificado de Origem e Certificação Digital.

Fonte: Ciesp

CATEGORIAS
TAGS