Publicidade

Café: Mercado segue muito especulativo e volátil, recuando 2% nesta quinta-feira

Café: Mercado segue muito especulativo e volátil, recuando 2% nesta quinta-feira

Publicidade

O mercado futuro do café arábica intensifica no início da tarde desta quinta-feira (27) a baixa para os principais contratos na Bolsa de Nova Iorque (ICE Future US), devolvendo parte dos ganhos registrados ontem.

Por volta das 12h15 (horário de Brasília), março/22 tinha queda de 515 pontos, negociado por 233,55 cents/lbp, maio/22 tinha baixa de 505 pontos, valendo 234,30 cents/lbp, julho/22 recuava 485 pontos, cotado por 233,60 cents/lbp e setembro/22 tinha baixa de 495 pontos, valendo 232,50 cents/lbp.

Em Londres, o café tipo conilon também segue operando com desvalorização. Maio/22 tinha baixa de US$ 13 por tonelada, valendo US$ 2178, setembro/22 tinha queda de US$ 15 por tonelada, cotado por US$ 2166, setembro/22 tinha baixa de US$ 23 por tonelada, negociado por 2155 e novembro/22 registrava baixa de US$ 23 por tonelada, valendo US$ 2152.

De acordo com Eduardo Carvalhaes, o mercado continua muito especulativo e apresentando a volatilidade que já era esperada pelo setor. “Houve uma alta forte em cima do café e também uma alta muito forte nos fertilizantes, e por isso operadores estão mais cautelosos, esperando para entender o tamanho da produção no Brasil. Se nós temos dúvidas com o tamanho da safra, imagine como está lá fora?”, questionou.
Além disso, o especialista destaca que as chuvas das últimas semanas levaram alívio no parque cafeeiro, deixando a lavoura bonita, o que também acaba criando a imagem de uma supersafra para o ano que vem, apesar de ainda ser cedo para avaliar, e ajuda a pressionar os preços.

Fonte: Notícias Agrícolas

CATEGORIAS

COMMENTS

Wordpress (0)
Disqus (0 )